Novidades

Odiario
A saúde não tem preço*
Jorge F. Seabra
:: Outros autores :: 30.Jan.15

«A saúde não tem preço», diz o povo. Mas essa valorização primordial da Saúde, que teve como reflexo a massificação do seu acesso com a organização do Serviço Nacional de Saúde (SNS) após o 25 de Abril, pode ser olhada de formas diversas: como um bem colectivo cujo custo é partilhado por todos e assegurado pelo Estado ou como uma oportunidade de negócio para benefício de alguns.

Odiario
DOCUMEMTOChefes de equipa de urgência do HGO tomaram posição de grande dignidade profissional
Os Editores
:: Editores :: 30.Jan.15
Odiario
Estamos à beira da total autodestruição?
Noam Chomsky
:: Outros autores :: 29.Jan.15

Noam ChomskyTanto do ponto de vista ambiental como do ponto de vista do risco de uma guerra nuclear a perspectiva de uma catástrofe global existe e agudiza-se. Mas o imperialismo é indiferente a tais riscos, e parece incapaz de arrepiar caminho.

Odiario
Entrevista da Anncol a Joaquín Gómez, comandante do Bloco Sul das Farc-EP, recém-chegado a Havana
Dick Emanuelsson
:: Outros autores :: 27.Jan.15

Esta entrevista com um dos membros do Secretariado do Estado-Maior Central das FARC-EP foi realizada no final do ano de 2014. Não perdeu actualidade. Mas é necessário recordar que, já depois dela, as FARC denunciaram o comportamento do governo e do exército colombiano face ao cessar-fogo unilateral que tinham decidido. A um inequívoco gesto de paz o poder colombiano responde com o recrudescimento das acções militares.

Odiario
França prende humorista por comentários no facebook, mostrando a farsa da celebração da “liberdade de expressão” ocidental
Glenn Greenwald
:: Outros autores :: 27.Jan.15

O objectivo e o efeito das leis que criminalizam certas ideias e aqueles que as apoiam é codificar um sistema em que as opiniões que lhes agradam são santificadas e os grupos a que pertencem sejam protegidos. As opiniões e os grupos que mais lhes desagradam, e só eles, são boa caça para a opressão e a degradação.

Odiario
Liberdade, liberdade querida, onde estão os teus defensores?
Remy Herrera*
:: Outros autores :: 25.Jan.15

Qual é esta liberdade de que falam bruscamente os porta-vozes dos oligopólios financeiros, vendedores de armas, miliardários «filantrópicos»? Trata-se de defender a liberdade de um sistema que hoje se cala sobre as acções do exército ucraniano no Donbass, como ontem sobre o esquartejar da Jugoslávia pela OTAN? E os gritos das crianças desfeitas em Gaza? Liberados, estes media que soltam o seu fluxo incessante de propaganda contra os avanços revolucionários latino-americanos?

Odiario
Integração euro-asiática contra o império do Caos
Pepe Escobar
:: Outros autores :: 23.Jan.15

Na estratégia global dos diferentes blocos político-económicos e político-militares em evolução, cada interveniente joga com os argumentos mais fortes que possui. Enquanto a China e a Rússia, por exemplo, apostam no o seu potencial energético e económico e na sua capacidade de investimento, o imperialismo norte-americano aposta no seu esmagador poder militar e no controlo que ainda detém sobre o sistema financeiro global. Uma questão central para o futuro próximo será quais as alianças que uma estratégia e outra conseguirão estabelecer e consolidar.

Odiario
Grécia*
João Ferreira
:: Outros autores :: 23.Jan.15

João FerreiraNenhum obstáculo é inultrapassável se for enfrentado por um povo decidido a tomar o destino nas suas mãos. Uma coisa é certa, independentemente do resultado das eleições de domingo: o futuro da Grécia está nas mãos do seu povo e da sua luta.

Odiario
Nota dos EditoresObama: O discurso da mentira e da hipócrisia
Os Editores
:: Editores :: 21.Jan.15
Odiario
O obscuro buraco económico no Afeganistão
Hedelberto López Blanch
:: Outros autores :: 21.Jan.15

Há 13 anos que os EUA ocupam o Afeganistão. O balanço desse país destruído é catastrófico. Mas o próprio ocupante paga e pagará um preço, que não será apenas o do atoleiro militar em que se meteu. É o da corrupção e criminalidade institucional que instalou e de que é parte, é o dos custos económicos, humanos e morais cuja factura, mais cedo ou mais tarde, o próprio povo norte-americano lhe apresentará.

Odiario
Órfãos e sem Vaticanos
Entrevista a Nestor Kohan
Marcela Pisarello e Sílvia Acevedo Montilla
:: Outros autores :: 20.Jan.15

Um dos grandes desafios do marxismo do Século XXI consiste em desmontar a falsa homologação de mercado e democracia. Para poder concretizá-lo há que ESTUDAR. E para decifrar os enigmas não resolvidos há que superar o divórcio entre um marxismo académico e um saber militante abnegado e esforçado mas que não estuda, não lê, não está informado e suplanta a falta de formação da militância de base com palavras de grande efeito.

Odiario
Os Blair do mundo são tão terroristas quanto os do Charlie
António Avelãs Nunes
:: Outros autores :: 19.Jan.15

O que é certo é que nenhum dos ‘terroristas’ comprometidos com os massacres no Iraque, na Líbia e na Síria vão ser chamados ao TPI, criado para ‘julgar’ os que são de antemão considerados os maus. E os crimes cometidos pelos que estão do lado dos bons não são crimes, são actos de heroísmo.

Odiario
Mais marines na base de Morón*
Carlos Lopes Pereira
:: Outros autores :: 18.Jan.15

O incremento de tropas norte-americanas na base sevilhana de Morón e a permanência de quatro navios de guerra dos EUA na base aeronaval de Rota, em Cádis, evidencia o papel de Espanha como elemento chave da estratégia do Pentágono para o continente africano, em especial para a África do Norte e a África Ocidental.

Odiario
A difícil luta pela paz na Colômbia.
Miguel Urbano Rodrigues
:: Colaboradores :: 17.Jan.15

Embora o diálogo de paz em Havana tenha até agora avançado de forma globalmente positiva, os dirigentes das FARC são prudentes no que diz respeito ao seu desfecho. A paz não está próxima. O povo colombiano deseja-a intensamente, mas as forças empenhadas em sabotar os Diálogos de Havana são poderosas.

Odiario
Solidários com Cuba*
Luís Carapinha
:: Outros autores :: 16.Jan.15

Sem o exemplo de dignidade e resistência de Cuba, sem o seu apoio e solidariedade, não seriam realidade os avanços democráticos, progressistas e revolucionários ao longo de mais de uma década na América Latina – e a consequente alteração da correlação de forças que continua a desafiar a hegemonia dos EUA.

Odiario
Entrevista com David Harvey, teórico social e pensador marxistaConseguir movimentos sociais fortes que articulem uma visão radicalmente diversa da vida urbana

A realidade material deste capitalismo internacional brutalmente neoliberalizador está e manifesta-se numa crise agónica da vida na cidade. Desse modo, a necessidade de interpretar o capital a partir do seu aspecto mais material e quotidiano torna-se evidente, e assim, a reflexão tem que abandonar o seu terreno puramente teórico para possibilitar um regresso ao comum. Ou seja, deve olhar-se à volta, para o crescimento explosivo dos edifícios, para o terramoto macroeconómico de uma utilização cada vez mais rentável do solo de uma cidade cada vez mais díspar.

Odiario
Um KKE forte é um apoio para o povo
Dimitris Koutsoumpas
:: Outros autores :: 14.Jan.15

“Todos deveriam ter presente que nos anos anteriores se alternaram governos de um só partido ou de coligação, obtendo o voto do povo por extorsão, fomentando o medo do “pior” ou as ilusões sobre o “mal menor. É isso o que repetem agora.”

Odiario
Atalhos
Tariq Ali
:: Outros autores :: 13.Jan.15

A hipocrisia com que a classe dominante em França se quis aproveitar dos ataques terroristas da passada semana pode sair-lhe pela culatra. Com a mesma veemência com que se solidarizou com as vítimas a opinião progressista vem denunciando esse comportamento inqualificável. E este texto é anterior à “jornada republicana” de domingo.

Odiario
Os sócios da OTAN ampliada
Manlio Dinucci
:: Outros autores :: 11.Jan.15

Desde o desmembramento da URSS, a OTAN transformou-se em instrumento militar global do imperialismo. Tendo em conta a ofensiva no Médio-Oriente inclui, naturalmente, as ditaduras do Golfo. Os países árabes do Golfo Pérsico – com excepção do Iémen e do sultanato de Omã – já estão integrados na aliança atlântica, juntamente com Israel.

Odiario
A linguagem da tortura
Robert Fisk
:: Outros autores :: 10.Jan.15

Um dos aspectos chocantes de muita da reacção política e mediática à publicação - da versão altamente censurada – do relatório do Senado dos EUA sobre a prática da tortura pela CIA é a linguagem escolhida. E os recursos jornalísticos para banalizar os mais repugnantes crimes.